NVIDIA RTX 4070 SUPER Aumenta o Desempenho nos Jogos com o Aumento do Tamanho da Cache L2

Numa virada surpreendente de eventos, a NVIDIA corrigiu um erro em sua apresentação oficial de lançamento da aguardada placa de vídeo RTX 4070 SUPER. Em vez das especificações iniciais de 36 MB de cache L2, a RTX 4070 SUPER contará com impressionantes 48 MB de cache L2. Essa correção traz alívio aos jogadores que aguardam ansiosamente o lançamento da GPU.

No evento CES 2024, tanto a AMD quanto a NVIDIA apresentaram novas placas de vídeo direcionadas ao mercado de jogos. A AMD apresentou sua GPU Radeon RX 7600 XT de gama média por US$ 329, enquanto a NVIDIA focou em oferecer modelos de alto desempenho, incluindo a RTX 4070 SUPER, com preço de $599. Este novo modelo substituirá a atual RTX 4070, que teve uma redução de preço para $549.

O aumento no tamanho do cache L2 é uma melhoria significativa para a RTX 4070 SUPER. O cache L2 desempenha um papel vital no subsistema de memória das GPUs, especialmente para aquelas com barramento de memória limitado. A nova arquitetura de memória da GPU Ada Lovelace apresenta até 96 MB de cache L2 no AD102 e 32 MB no AD107/106. Como a RTX 4070 SUPER é baseada na GPU AD104, que já possui 48 MB de cache L2 total, é lógico que a NVIDIA utilize a capacidade total em vez de limitá-la a 36 MB.

Os núcleos adicionais e o aumento no tamanho do cache L2 na RTX 4070 SUPER devem resultar em uma melhoria perceptível no desempenho dos jogos. Entretanto, vale ressaltar que o TDP padrão de 220W pode impor algumas limitações, pois é apenas 20W maior do que o da RTX 4070. Os jogadores ansiosos pela chegada da RTX 4070 SUPER podem marcar suas agendas para 17 de janeiro, quando está programada para chegar ao mercado, com as avaliações iniciais disponíveis um dia antes.

Com essas atualizações, a RTX 4070 SUPER visa oferecer uma experiência imersiva de jogos e solidificar a posição da NVIDIA como uma provedora líder de placas de vídeo de alto desempenho.

Privacy policy
Contact